Pesquisar neste blog

A principal fonte dos textos postados aqui é da Internet, meio de informação pública e muita coisa é publicada sem informações de Copyright, fonte, autor etc. Caso algum texto postado ou imagem não tenha sua devida informação ou indicação, será escrito (autoria desconhecida). Caso souberem, por favor, deixe um comentário indicando o ou no texto, ou caso reconheçam algum conteúdo protegido pelas leis de direitos autorais, por favor, avisar para que se possa retirá-lo do blog ou dar-lhe os devidos créditos. Se forem utilizar qualquer texto postado aqui, por favor, deem os devidos créditos aos seus autores. Obrigada!

Abençoados sejam todos!

24 de mar de 2011

Deusa Eurynome

Texto: Anna Leão

Eurynome é a Deusa grega da Criação.

É uma Deusa antiga, pré-Helênica.

Originalmente ela foi a governante do Olimpo, Mãe dos Deuses e do Universo.
Do caos, Eurynome surgiu e dividiu o mar dos céus, dançando seu êxtase sobre as ondas.

Sua dança levou-a a criar o vento norte, o qual ela transformou em serpente dando-lhe o nome de Ophion.
Eurynome fez amor com Ophion, transformou-se em pomba e botou o ovo cósmico que continha toda a Criação.
Como foi Ophion que quebrou o ovo, achou que tinha o direito de se proclamar o responsável pela Criação. Sabendo disso Eurynome aprisionou-o no Tártaro e continuou a criar o Universo.

Eurynome pode ser recuperada hoje em dia com toda a sua força, poder e plenitude. Ela representa a mulher criativa, livre e entusiasta.
O êxtase e o prazer são símbolos desta Deusa que criava o mundo com alegria e exuberância através do movimento espiralado de Sua dança.
Eurynome nos faz pensar no verdadeiro poder da criação feminina. Esta que é livre, prazerosa, plena e autônoma.

fonte: http://www.annaleao.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário