Pesquisar neste blog

A principal fonte dos textos postados aqui é da Internet, meio de informação pública e muita coisa é publicada sem informações de Copyright, fonte, autor etc. Caso algum texto postado ou imagem não tenha sua devida informação ou indicação, será escrito (autoria desconhecida). Caso souberem, por favor, deixe um comentário indicando o ou no texto, ou caso reconheçam algum conteúdo protegido pelas leis de direitos autorais, por favor, avisar para que se possa retirá-lo do blog ou dar-lhe os devidos créditos. Se forem utilizar qualquer texto postado aqui, por favor, deem os devidos créditos aos seus autores. Obrigada!

Abençoados sejam todos!

25 de jul de 2011

Deusa Íris

Iris, a deusa do arco colorido do céu e mensageira de Hera, representa o lado feminino de Hermes. Era adorada pelos deuses e pelos mortais por sua natureza de bondade. Sempre quando havia uma mensagem para os mortais, Iris tomava a forma humana ou se apresentava como uma mulher alada. Ás vezes cortava o céu com a mesma rapidez que seu marido, Zéfiro, o vento oeste. Outras vezes descia suavemente através do arco íris que ligava o céu à terra.
Ela penetrava em todos os lugares e até mesmo o mundo das trevas abria suas portas para ela entrar. Ela sempre recepcionava os deuses com néctar e ambrosia quando eles retornavam de suas viagens. Iris preparava os banhos para Hera e lhe prestava serviços dia e noite, estando sempre à sua disposição. Assim Hera também a utilizava em suas vinganças embora sua tarefa fosse o consolo e a pacificação.

**********************

Iris representa a construção de uma personalidade estável com o coração equilibrado; é a temperança e verdadeira misericórdia. Está ligada ao sentimento que é uma escolha refletida de afeto e diferente da emoção que é apenas uma reação visceral às situações. O sentimento é uma constante variação dos opostos, uma cuidadosa percepção de uma situação específica com objetivo de preservar a harmonia. Por isso, Iris derrama água de um vaso a outro porque o sentimento deve fluir e se renovar. Assim ela se presta aos serviços e às vinganças de Hera.
Entretanto sua finalidade será sempre de cooperação, harmonia, conduzindo com delicadeza o julgamento dos sentimentos que é diferente do sentimentalismo. No entanto a estagnação para manter os relacionamentos também asfixia, pois Iris não discute e não provoca conflito e assim também não cresce. Tudo em nome da harmonia. Assim não há lugar para a solidão e Iris operando em todos os níveis precisa estar servindo devotamente aos deuses e não consegue sobreviver sem alguém para servir. Iris se faz presente naquelas pessoas que sempre dizem "sim" para evitar qualquer conflito consigo mesmo e com os outros.

texto e fonte: http://eventosmitologiagrega.blogspot.com

foto: internet

Nenhum comentário:

Postar um comentário