Pesquisar neste blog

A principal fonte dos textos postados aqui é da Internet, meio de informação pública e muita coisa é publicada sem informações de Copyright, fonte, autor etc. Caso algum texto postado ou imagem não tenha sua devida informação ou indicação, será escrito (autoria desconhecida). Caso souberem, por favor, deixe um comentário indicando o ou no texto, ou caso reconheçam algum conteúdo protegido pelas leis de direitos autorais, por favor, avisar para que se possa retirá-lo do blog ou dar-lhe os devidos créditos. Se forem utilizar qualquer texto postado aqui, por favor, deem os devidos créditos aos seus autores. Obrigada!

Abençoados sejam todos!

29 de jun de 2011

Deusas Sul-Americanas

Acredito que o texto seja da Rosana Volpatto.

1. DEUSA PACHAMAMA, a MÃE-TERRA
A maioria das mulheres modernas perderam a sintonia com o Sagrado, mas toda esta sabedoria e informação está escrita no DNA de nossas células, basta saber como ativá-las. Está na hora de resgatarmos a nossa energia feminina.
O primeiro arquétipo que todas nós mulheres devemos entrar em contato é a nossa Mãe-Terra, Pachamama. Este elo pode ser estabelecido por intermédio de atividades muito simples, como por exemplo. caminhar descalça ou sentar-se sobre a terra ou grama, como e também através de meditação ao entardecer. Para se desfazer de energias negativas, coloque as duas mãos sobre a terra (ou gramado), de modo que você fique acocorada e então, visualize um campo energético fluindo de seu corpo e penetrando na terra. O resultado é surpreendente!
Agora, se você mora em um apartamento e fica difícil qualquer dos procedimentos acima citados, procure comprar um tapete de pele de animal e caminhe e sente sobre ele.
A Pachamama identifica-se com as deusas gregas Deméter e Atena.

 

2. DEUSA MAMA CHILLA, A MÃE-LUA
São muitas as deusas da Lua. Mas, assim que se estuda seus atributos, características e histórias de suas vidas, reconhecemos que todas elas são realmente uma única divindade. O culto a Mãe-Lua acontece desde o mais longínquo registro histórico.
Mama Quilla, nossa Mãe-Lua Inca, filha de Viracocha e esposa do deus Sol "Inti". O contato com o arquétipo desta deusa é feito através de meditação, que deve ser realizada na Lua Crescente, três dias antes da Lua Cheia. Coloca-se as mãos em forma de triângulo, voltando-a para a Lua. Se estiver nublado e não for possível enxergar a Lua, poderá fazer o movimento com as mãos e voltá-las para uma árvore. Todas plantas têm a energia forte da Mamaquilla.
A Mamaquilla identifica-se com a deusa grega Ártemis. É protetora das mulheres casadas e guardiã de nossos sonhos.

 

3. DEUSA MAMACOCHA, A MÃE-MAR

Mamacocha é o terceiro arquétipo. São as águas - os lagos e os mares (para os índios, o mar segue ao princípio feminino). As águas outorgam às mulheres os anseios de sua alma, o místico, o mágico, o profundo mistério. "A terra dá à mulher a força de que ela necessita. Já Mamacocha lhe dá o movimento e a flexibilidade necessária, como a água, que é capaz de tomar todas as formas, sem perder sua essência. Pode-se conectar com ela por meio da dança livre e espontânea).

 

4. DEUSA MAMAOCLLO, A MÃE-INTERIOR

Mamaocclo é a deusa esposa-irmã de Manco-Capac e ambos filhos de Inti (sol). Formam o casal fundador Io Império Inca.
A Deusa representa a xamã interior, a mulher de sabedoria, capaz do encontro consigo mesma. Neste imbito, basicamente a mulher se conecta com Mamaocllo por meio da meditação e, quando se encontra em sua _ase lunar mais externa (no período menstrual), através da auto-observação e auto-contemplação.
O povo andino, alcançou nossos dias unidos por um espírito comum e reverenciando a Terra como sua Mãe. Eles possuem a mais alta das dignidades, trilham o caminho do entendimento equilibrado e têm o devido -espeito pelos homens e pela natureza.
Quem tiver a sorte de caminhar pela Terra Sagrada dos Incas, cruzará com um xamã, o "Chaski", que peregrina pelas trilhas divulgando sua cultura. Ele lhe dirá, que hoje nosso Planeta está passando por transformações, caracterizadas pelo predomínio da energia feminina. Entretanto. isso não quer dizer, absolutamente, que o Mundo vai ser dominado pelas mulheres e, sim, que a Terra carece do plantio de sentimentos tão sublimes como os de uma mãe zelosa tem por seu filho mais querido. Só este tipo de sentimento fará brotar no coração dos homens o Lírio da Paz e consolidará o Amor Universal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário