Pesquisar neste blog

A principal fonte dos textos postados aqui é da Internet, meio de informação pública e muita coisa é publicada sem informações de Copyright, fonte, autor etc. Caso algum texto postado ou imagem não tenha sua devida informação ou indicação, será escrito (autoria desconhecida). Caso souberem, por favor, deixe um comentário indicando o ou no texto, ou caso reconheçam algum conteúdo protegido pelas leis de direitos autorais, por favor, avisar para que se possa retirá-lo do blog ou dar-lhe os devidos créditos. Se forem utilizar qualquer texto postado aqui, por favor, deem os devidos créditos aos seus autores. Obrigada!

Abençoados sejam todos!

8 de ago de 2011

O Fio de Ariadne

 

No dia das Ninfas e celebra-se Ariadne.

De acordo com a mitologia, Ariadne era filha de Minos, rei de Creta. Foi ela quem deu à Teseu um novelo de linha para que não se perdesse no labirinto de Minos, pois ao desenrolá-lo poderia encontrar o caminho de volta.

Teseu foi mandado à Creta para entrar no labirinto construído por Dédalo. Era um labirinto tão bem projetado que quem se aventurasse nele não conseguia sair e era devorado pelo Minotauro.

Mas o Oráculo de Delfos revelou à Teseu que para ele sair vitorioso do labirinto, deveria ter a ajuda de um amor. E é aí que Ariadne entra na história. Ela se apaixona por ele e tenta ajudá-lo. Teseu não sentia o mesmo amor, mas reconheceu sua única chance de vitória e aceitou o novelo de linha.

Após matar o Minotauro, Teseu levou consigo Ariadne. Mas quando passou pela ilha de Dionísio, teve que deixá-la lá. Ariadne desconsolada acabou se casando com Dionísio, que a fez líder de suas ninfas.

Ariadne e Dionísio tiveram muitos filhos. Mas durante o parto do último filho, Ariadne não resistiu e morreu. Depois foi transformada na Constelação de Aridella.

texto e fonte: Agenda Esotérica

Nenhum comentário:

Postar um comentário