Pesquisar neste blog

A principal fonte dos textos postados aqui é da Internet, meio de informação pública e muita coisa é publicada sem informações de Copyright, fonte, autor etc. Caso algum texto postado ou imagem não tenha sua devida informação ou indicação, será escrito (autoria desconhecida). Caso souberem, por favor, deixe um comentário indicando o ou no texto, ou caso reconheçam algum conteúdo protegido pelas leis de direitos autorais, por favor, avisar para que se possa retirá-lo do blog ou dar-lhe os devidos créditos. Se forem utilizar qualquer texto postado aqui, por favor, deem os devidos créditos aos seus autores. Obrigada!

Abençoados sejam todos!

3 de out de 2011

Deusa Atargatis

Vamos celebrar hoje Atargatis, a deusa síria do céu, do mar, da chuva e da vegetação, também cultuada pelos romanos como Dea Syria. Deusa poderosa com atributos muito complexos, Atargatis podia ter várias representações. Como deusa celeste, ela surgia cercada de águias, viajando sobre as nuvens. Como regente do mar, podia ser uma deusa serpente ou peixe. Podia ainda ser a essência fertilizadora da chuva, com a água vindo das nuvens e das estrelas.
Ainda podia aparecer como a própria deusa da terra e da vegetação, cuidando da sobrevivência de todas as espécies.

Ritual do Dia:  Oferenda do Pão: Na verdade fazer pão é um ritual muito antigo e importante que, pode ser usado como união de pessoas, de famílias, de amigos, como uma terapia;e ainda, se você quiser, pode até transforma-lo em um Ritual de Cura, já que fazer e amassar o pão é um ritual de autoconhecimento que revela muito sobre os sentimentos e ajuda a clarear nossas intenções.
Se colocamos uma intenção neste gesto e prestamos atenção em como os ingredientes se misturam, podemos entender a alquimia da vida, compreender melhor as emoções e atitudes que nos impedem de ser felizes.
A força dos elementos da natureza se unem nesta simples receita: a água é o fluido vital; o trigo a força da terra, o fermento que faz a massa crescer, é associado ao ar; e o fogo que tudo transforma.
Vivencie: se a massa está muito mole a pessoa está sem foco na vida;
se o pão não cresce é preciso se desapegar do passado e viver o presente; se ficar bom é sinal de realização e conexão com a realidade.
Saborear pão dá coragem e nutre a alma, principalmente se, ao faze-lo você colocar nele uma Intenção: de Paz, de União, de Amor...
Assim, antes de iniciar o ritual do pão, mentalize as melhores intenções: União, amor, paz, alegria, cura, saúde...para você seus familiares e todo aquele que comer desse pão!

fonte e texto: http://www.luzemhisterio.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário